Meio&Mensagem

Siga-nos

Publicidade

Startups com soluções SaaS atraem investidores

Evento 4 Years From Now, que acontece no MWC, prevê a movimentação de mais de € 4 bilhões e propostas potenciais de cerca de 200 novos negócios

Victória Navarro
1 de março de 2022 - 12h56

A fim de auxiliar o crescimento de startups, inspirar a próxima geração de empreendedores, convocar a indústria de tecnologia para desenvolver novas ideias e aproximar companhias e investidores, o 4 Years From Now (4YFN) — “Quatro anos daqui para frente”, em português — acontece entre 28 de fevereiro e 3 de março, na maior feira móvel do mundo, o Mobile World Congress (MWC), em Barcelona (Espanha). Neste 2022, o evento paralelo recebe mais de 500 startups internacionais e 300 palestrantes. No 4YFN, a GSMA, focada em representar as teles ao redor do mundo e à frente do MWC, prevê a movimentação de mais de € 4 bilhões, propostas potenciais de cerca de 200 startups e 950 investidores, distribuídos em 35 países.

Neste 2022, 4YFN recebe mais de 500 startups internacionais e 300 palestrantes (crédito: Victória Navarro)

Segundo dados do 4 Years From Now, SaaS (Software as a Service — “Software como Serviço”, em português) e outras soluções aplicadas a negócios e produtividade são o principal (55%) interesse dos investidores. Já fintech e outras startups à frente de serviços financeiros e de seguros são interesse de 50% dos investidores. Logo atrás, aparecem cidades inteligentes (48%), soluções digitais de saúde (46%) e varejo e mercados (40%). Em comparação com anos anteriores, há tambpem interesse em empresas que trabalham com impacto social e sustentabilidade (23%). Barcelona e Catalunha, que abrem as portas para mostrar ao mundo as tendências e a inovação que as startups podem oferecer, não podem ser compreendidas sem o vibrante ecossistema de novas empresas. Em apenas cinco anos, o ecossistema cresceu 75% — conta com 1.900 startups.

O setor de startups acelerou em dez anos, durante a pandemia, graças ao rápido desenvolvimento de tecnologias focadas no home office, logística de entrega e soluções de comunicação (crédito: Victória Navarro)

O 4YFN dá às startups acesso a ideias revolucionárias e discussões de ponta. Aos investidores, ajuda a construir uma plataforma exclusiva que contribuí para o aumento do fluxo de negócios. Ademais, o evento ajuda as organização a inovarem em colaboração com o ecossistema global de empreendedores de tecnologias. E, apoia aceleradores e governos que desejam projetar a criatividade de deus ecossistemas para a indústria de tecnologias, com espaço de exposição. Por meio do 4YFN Communities Club, é exposto projetos, instituições e empresas com a missão de potencializar o empreendedorismo e a inovação. O clube é concebido por hubs, aceleradoras e incubadoras, espaços de coworking e universidades.

Inclusão no mundo de startups
Segundo Yossie Vardi, presidente do 4 Years From Now, embora a pandemia de coronavírus tenha sido um catalisador mundial de startups, ainda há muito trabalho a ser feito na frente da diversidade, Para o executivo, um dos principais desafios enfrentados pelo setor de estatais é a inclusão de mais jovens e mulheres e a participação de países subdesenvolvidos, como a África. “Espero que o futuro seja mais inclusivo”, disse Vardi. Além disso, é preciso haver educação acerca de startups em escolas e faculdades. O setor de startups acelerou em dez anos, durante a pandemia, graças ao rápido desenvolvimento de tecnologias focadas no home office, logística de entrega e soluções de comunicação, de acordo com Vardi. As startups também viram um aumento histórico no número de unicórnios, nos últimos dois anos. No futuro, o foco será em tecnologias profundas, como inteligência artificial, computação quântica e processamento de imagens com redução de custos, devido a opção de comunicação de dados baseada em 5G.

Publicidade

Compartilhe

Patrocínio